Filipinas | Planejando a viagem

A capital das Filipinas é Manila e o país é formado por mais de 7.000 ilhas, que são categorizadas em três principais divisões geográficas: Luzon, Visayas e Mindanau. Quando começamos pesquisar para onde iríamos, nos deparamos com muitas ilhas como opções e escolhemos dois destinos para dividirmos os 10 dias que ficaríamos no país: El Nido, que é uma pequena e humilde vila de pescadores e Boracay, muito mais turística e agitada.

mapa

Chegamos nas Filipinas pelo aeroporto de Manila e de lá pegamos outro vôo para El Nido pela AirSwift. Depois da estada em El Nido, pegamos novamente um vôo para Manila e outro para Boracay (Caticlan). Infelizmente, não tem o vôo direto de uma ilha para outra e tivemos que voltar para Manila e de lá ir para o próximo destino. Quando o avião chegou em Caticlan contratamos um serviço de translado para Boracay que foi oferecido dentro do vôo e valeu muito a pena! Do aeroporto pegamos um ônibus que nos levou até o porto, depois um barco para chegar em Boracay e de lá um táxi até o hotel.

airport
O pequeno aeroporto de El Nido

Devido a sua localização, as Filipinas são propensas a terremotos e tufões. A melhor época para visitar o país é entre dezembro a maio, quando chove menos e é o período de seca. Mesmo indo na metade de dezembro chegamos lá com muita chuva, nosso vôo atrasou porque uma tempestade estava passando por El Nido e no dia seguinte a chuva continuou. A partir do terceiro dia que o sol apareceu e mesmo assim pegamos algumas chuvas passageiras no decorrer dos dias.

airplane
No dia que chegamos em El Nido, céu carregado e muita chuva

As Filipinas foram colonizadas pelos espanhóis e seu nome é em homenagem ao Rei Filipe II. Foi parte do Império Espanhol por mais de 300 anos e a partir da Revolução Filipina acabaram sob domínio dos Estados Unidos. Em 1946, a Independência do arquipélago foi reconhecida pelo governo norte-americano. Devido a essa colonização há dois idiomas oficiais no país: inglês e tagalo. Esse idioma local tem influência espanhola e algumas palavras são parecidas com o português, a gente consegue entender uma palavra ou outra ouvindo os filipinos falarem entre si.

_MG_0212
Las Cabanãs

Outro resultado da influência espanhola é a religião do país, a maioria da população é cristã e as Filipinas é um dos dois países da Ásia predominantemente católicos, sendo o outro Timor-Leste. Nós passamos o Natal lá e foi muito bom estar em um lugar que comemora essa data, nos sentimos mais próximos de casa mesmo estando na Ásia, onde tudo é tão diferente da nossa cultura. Além disso, o povo das Filipinas tem muitas semelhanças com os brasileiros, as pessoas também são alegres, receptivas e calorosas.

chegada
Recepção no El Nido Resorts

E a culinária, assim como todo o o resto também tem uma forte influência espanhola nos pratos típicos como as paellas e os cozidos. Come-se bastante arroz com peixes e frutos do mar fresquinhos, um dos pratos mais populares é um peixe na brasa que vem acompanhado de arroz e salada, uma delicia! Tem diversas frutas, mas a que mais vimos por lá foi a manga, ela é um pouco menor que a brasileira e muito doce, é usada em pratos salgados, em sobremesas e produtos de beleza também. Em Boracay tem um restaurante com sorvetes, sucos e doces de manga, nenhum outro sabor, só manga e estava sempre lotado.

DCIM101GOPROGOPR2175.JPG
Peixes e Frutos do mar
DCIM101GOPROGOPR2214.JPG
Paella
DCIM101GOPROGOPR2468.JPG
Cerveja local | San Miguel

SalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvarSalvar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: